Livro Vida E Carreira: Um Equilíbrio Possível?

Tempo de leitura: 5 minutos

O livro Vida e carreira: um equilíbrio possível? foi escrito por Mario Sergio Cortella e Pedro Mandelli. Feito na forma de debate, discussão entre os autores, tem uma leitura simples e de fácil assimilação!

Sobre Cortella nem vou comentar, bastar ler as outras duas resenhas que fiz sobre livros dele (aqui e aqui também). Já Mandelli é um consultor especializado na área de mudança organizacional. E assim como Cortella é professor, escritor e palestrante.

Esse livro “casa” muito bem o que Cortella fala no livro Por que fazemos o que fazemos? que aborda também o assunto carreira.

Cortella abre o livro falando algo que a maioria das pessoas não entende. Vida pessoal e vida profissional não devem ser separadas. Afinal de contas o trabalho faz parte da nossa vida pessoal. Além do mais você passa grande parte do seu tempo na empresa. Não seria saudável separar completamente essas dimensões de nossa vida.

Mandelli coloca outro ponto interessante sobre a relação “funcionário x empresa”. Hoje em dia tem-se a imagem de que o funcionário sempre deve algo à empresa. Já que existem profissionais em abundância. Ao contrário de antigamente, onde a empresa funcionava como mantenedora do funcionário e até da família dele.

O que tem se visto é uma mudança nos papeis de empresa e funcionário. Antes o funcionário depositava as esperanças na empresa. Onde ele fazia carreira e ficava uma vida inteira “servindo” aquela empresa. Se você fosse fiel a ela, estava “com a vida feita”.

Hoje não acontece mais isso. As pessoas tem que lidar com a grande variedade de profissionais disponíveis no mercado. Correndo o risco de ficar “para trás”. Não se pode mais saber apenas uma função que desempenhará pelo resto da vida. Sem mudanças.

E aí eu queria falar sobre uma frase que o Cortella usa bastante e eu particularmente acho sensacional:

“A única coisa permanente é a mudança!” – Heráclito

E nessa frase, não posso deixar de me recordar do livro que fez surgir esse blog. O livro Geração de Valor mostra aos leitores a importância de não acreditar em falsas promessas de estabilidade na carreira. Aqui no livro Vida e carreira: um equilíbrio possível? os autores falam em certo momento sobre a diferença entre segurança e estabilidade na carreira.

Outro ponto importante tratado pelos autores é o fato de não precisar, no mundo atual, existir uma ligação entre a graduação que o indivíduo prestou e o cargo que ele exerce. Com certeza isso se deve muito ao advento da popularização da informação por meio da tecnologia.

“Você é o fiel depositário da sua própria biografia; logo, não a terceirize!” – Pedro Mandelli

Os autores voltaram a falar de um tema já abordado por Cortella em outro livro. Que é o desejo que as pessoas tem de serem, ou parecerem, importantes.

Sobre o equilíbrio entre carreira e profissão, os autores ainda discorrem que, a família exerce um papel muito importante para o indivíduo. Tendo em vista que todos nós somos motivados por nosso meio, a família deve nos instigar, impulsionar para atingirmos o nosso melhor.

E quando se fala em motivação, por parte da empresa, sempre deve ter atenção em proporcionar essas motivações para seus funcionários. O que hoje é algo muito mais complexo do que há três décadas.

“Na bicicleta você vai cair se parar; o equilíbrio da bicicleta se dá no movimento!” – Mario Sergio Cortella

No livro é introduzido um conceito que achei muito interessante, o conceito de mais-valia. Os profissionais devem buscar essa mais-valia para se manterem seguros no mercado de trabalho. E isso deve ser feito até certa idade, pois com o passar do tempo, a energia para atingir esse patamar de mais-valia vai se esgotando.

Na conjuntura atual do mercado de trabalho, não pode se dar ao luxo de ter apenas uma habilidade. O que os autores falam sobre isso é que se tenha uma multiplicidade de outras habilidades. Do contrário, cairão no esquecimento. Dando lugar a indivíduos que alcancem a mais-valia e agreguem mais a empresa.

“Se você não tem dúvidas, é porque está mal-informado!” – Millôr Fernandes

No livro ainda se fala sobre a tecnologia, e como ela influencia nas carreiras. E dentro desse contexto, uma frase do Cortella é interessantíssima:

“Não sou possuído pela digitalização, eu a possuo.”

O cenário empresarial hoje é muito complexo. Portanto, os indivíduos devem estar preparados para a instabilidade que pode ser o ciclo de vida da empresa.

“Não adianta fechar os olhos em meio a um tiroteio e supor que não será atingido. É preciso participar!” – Mario Sergio Cortella

Pedro Mandelli, encerra o livro com uma frase inspiradora:

“Curta a vida em que a carreira está inserida, celebre seus sucessos, porque a vida é muito curta para ser triste, tediosa e mal-amada!”

Capítulos do livro Vida e carreira: um equilíbrio possível?

  1. Vida pessoal e vida profissional
  2. A única coisa permanente é a mudança
  3. Para onde queremos ir?
  4. Carreira e felicidade
  5. A tecnologia e a carreira
  6. O que eu quero da minha vida?

Ficha técnica do livro Vida e carreira: um equilíbrio possível?

Capa do livro Vida e carreira: um equilíbrio possível?

Título:Vida e carreira: um equilíbrio possível?
Autor: Mario Sergio Cortella, Pedro Mandelli
Número de páginas: 112
Link para compra (link afiliado)

5/5 (1 votos)

O que você acha deste livro?