Livro O Monge E O Executivo – James C. Hunter

Tempo de leitura: 3 minutos

O autor do livro O Monge e o Executivo é James C. Hunter

Na obra, James criou uma história fascinante para ensinar os princípios fundamentais da liderança.

Com uma narrativa que trata de um empresário bem sucedido, com esposa e filhos.

Ele achava que tudo ia bem.

Porém as coisas em sua vida começaram a desandar se ele perceber.

Reivindicações sindicais em sua empresa, filhos rebeldes e a esposa ficando infeliz no relacionamento.

Ele tinha que tomar uma atitude.

O empresário, chamado John Daily, resolve participar de um retiro sobre liderança em um mosteiro beneditino durante uma semana.

Esse período no mosteiro seria comandado por um ex-empresário bem sucedido chamado Leonard Hoffman. Que após a perda de sua esposa decidiu se dedicar na busca de um novo sentido em sua vida.

Daily e outros cinco participantes do retiro se rendem aos poucos.

Deixando de serem céticos quanto aos ensinamentos sobre liderança passados por Hoffman, ou Simeão, como é chamado no mosteiro.

Durante o livro o autor fala sobre relacionamentos. E explica qual a importância de se ter relacionamentos saudáveis em qualquer esfera de nossa sociedade.

Lembrando que o principal ingrediente para um relacionamento saudável é a confiança.

A confiança é a cola que gruda os relacionamentos.

Durante uma semana é a segunda vez que leio sobre o enigma do gato que senta no fogão quente. Por isso decidi escrever aqui.

Como a experiência de sentar no fogão quente foi dolorosa, ele jamais sentará em qualquer fogão, nem quente, nem frio.

É importante pensarmos sobre isso.

Pois, se não filtrarmos os aprendizados corretos das experiências que vivemos, poderemos nos enganar em muitos casos.

Autoridade x Poder segundo o livro O Monge e o Executivo

Um dos principais conceitos sobre liderança que o livro O Monge e o Executivo ensina é que para liderar é preciso servir.

E isso se dá de forma muito envolvente no livro (fazendo com que eu conseguisse lê-lo em umas poucas horas).

A autoridade deve ser conquistada, ao contrário do poder, que é conseguido com política e influência e não por merecimento.

Você deve usar sua autoridade ao invés de poder.

Por isso o autor explica que só se conquista a autoridade, servindo as necessidades das pessoas que você lidera.

Expressando o que empresas ícones estão fazendo mundo afora. Onde transformam seus escritórios em legítimos playgrounds, para melhorar as condições de trabalho de seus funcionários, mas tudo isso é claro, com muita organização e comprometimento.

Liderança: É a habilidade de influenciar pessoas para trabalharem entusiasticamente. Visando atingir aos objetivos identificados como sendo para o bem comum.

Para colocar em prática todos esses conceitos é necessário prática, ou seja, criar o hábito (leia o livro O Poder do Hábito) de servir.

Sobretudo, o livro O monge e o executivo é um livro que te deixa imaginando a cena que descreve.

Deixa aquele ar de curiosidade enquanto você está lendo, o que é fascinante.

Capítulos do livro O monge e o executivo

  1. Capítulo 1 – As definições
  2. Capítulo 2 – O velho paradigma
  3. Capítulo 3 – O modelo
  4. Capítulo 4 – O verbo
  5. Capítulo 5 – O ambiente
  6. Capítulo 6 – A escolha
  7. Capítulo 7 – A recompensa

Ficha técnica do livro O monge e o Executivo

Capa para os trechos do Livro O Monge e o Executivo - Uma história sobre a essência da liderança

Título: O monge e o executivo
Autor: James C. Hunter
Número de páginas: 144
Link para compra (link afiliado)

5/5 (1 votos)

O que você acha deste livro?